Saiba como aplicar a tecnologia Blockchain na advocacia


A utilização da tecnologia blockchain no mercado jurídico está crescendo. Apesar de estar no mercado há alguns anos, somente atualmente os escritórios de advocacia e os departamentos jurídicos estão incorporando essa inovação em suas práticas.


E então, o que é blockchain?


Blockchain é uma tecnologia que visa a descentralização para aumentar a segurança. As movimentações registradas podem ser verificadas e auditadas por qualquer pessoa, mas não copiadas ou alteradas. Essa tecnologia veio para transformar muitos mercados, inclusive o jurídico.


O blockchain no mercado jurídico atuará em diversas frentes. Ele pode ser explorado para otimizar o tempo dos profissionais e evitar perda de tempo com burocracias, e, ainda garantir segurança jurídica em diversas transações.


Como o blockchain pode ser aplicado à advocacia?


Grande parte dos escritórios em crescimento estão investindo e criando conexões dentro dessa tecnologia, utilizando em questões de cybersegurança, propriedade intelectual, smart contratcs...


Um bom exemplo de aplicação do blockchain na advocacia diz respeito às relações contratuais. Podemos imaginar um contrato de locação firmado por meio um software de automação de contratos baseado em blockchain. Os dados do inquilino e da locação são preenchidas automaticamente, e o contrato é assinado digitalmente pelo locador e locatário.


As partes poderão acessar o documento por meio de uma senha pessoal única. Porém, não podem alterá-lo. Se isso ocorrer, o documento será desabilitado. É o modo como o blockchain simplifica e torna mais segura as transações jurídicas, combatendo as fraudes, já que criptografa os detalhes dos instrumentos.


O blockchain na advocacia também pode ser aplicado no cadastro de pessoas. Havendo, por exemplo, o registro do cadastro do cliente no blockchain, e esse registro é disponibilizado, após sua autorização, no banco com quem manterá uma relação comercial (conta corrente, por exemplo). Se houver atualização no cadastro, os dados são automaticamente atualizados nos sistemas dos bancos que são partes da relação jurídica.

Essa tecnologia ainda pode impactar na forma do registro de propriedade intelectual, no repositório de informações da contratação de seguros, bem como na infraestrutura de pagamento de um escritório, permitindo a transferência de fundos em tempo real.


Benefício da tecnologia Blockchain para os advogados


O uso do blockchain no mercado jurídico crescerá muito se os profissionais se adaptarem a essa tecnologia disruptiva. Os advogados e gestores precisam ir além em seus conhecimentos sobre relações contratuais (Código Civil e CDC), entrando, também, nas regras específicas do Banco Central, da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e de outros órgãos reguladores. É imprescindível que se comuniquem com os desenvolvedores e engenheiros para melhor entendimento da tecnologia.


Dentre seus principais benefícios, podemos destacar:


· Facilidade de compartilhamento de documentos, diante do aumento da segurança de transferência das informações; Fácil compartilhamento de documentos;


· Maior segurança nas transações jurídicas, o que gera menor risco para os clientes; Segurança nas transações jurídicas e menos risco para os clientes;


· Potencial redução de custos com a eficiência da tecnologia nos processos internos e externos. Diminuição potencial de custos diante da eficiência tecnológica nos processos internos e externos.


· Maior disponibilidade dos advogados para gerenciar novos negócios e processos, já que precisará de menos tempo para executar algumas tarefas que se baseiam em blockchain; Otimização do tempo dos advogados, que poderão se dedicar a novos negócios e processos;


Depois de compreender a aplicação e os benefícios do blockchain na advocacia, o advogado perceberá que é uma grande oportunidade de crescimento para o escritório. Para que esteja preparado para aproveitá-la, precisa ter mais conhecimento da interdisciplinaridade entre relações contratuais, Código Civil, CDC, regras do Banco Central e da Comissão de Valores Mobiliários, bem como de outros órgãos reguladores.


Enfim, deve procurar conhecimento para se comunicar com desenvolvedores e engenheiros, aumentando as possibilidade de aplicação dessa tecnologia no mundo jurídico. O blockchain é uma tecnologia revolucionária, que chega para otimizar e dar mais segurança às relações. No mundo jurídico, ele já possui diversas aplicações que possibilitam ao escritório maior desenvolvimento e competitividade.


#tecnologia #blockchain #advocacia #direito

0 visualização
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now